Henri Castelli, Nati Casassola e outros famosos são vistos em festa clandestina

Evento aconteceu no sábado (24), em Hidrolândia, Região Metropolitana de Goiânia

Segundo fiscais e um representante do condomínio, cerca de 60 pessoas estavam no local.
Segundo fiscais e um representante do condomínio, cerca de 60 pessoas estavam no local. - Montagem/FC/Instagram

por Redação/FC
Publicado em 28/04/2021 às 10:56
Atualizado às 10:56

COMPARTILHEFacebook Famosos e CelebridadesPinterest Famosos e Celebridades

De acordo com as informações do G1, Henri Castelli estava entre os famosos presentes em uma festa clandestina e encerrada por fiscais da Prefeitura de Hidrolândia, Região Metropolitana de Goiânia.

O evento, com a presença do ator, aconteceu no sábado (24) e, nas redes sociais, convidados compartilharam fotos e vídeos sem o uso de máscara e desrespeitando o decreto municipal que proíbe a realização de aglomerações devido à pandemia.

Além do ator, a ex-BBB Natália Casassola e a DJ Tati Junqueira também marcaram presença na festa que aconteceu na propriedade do empresário Raphael Eduardo de Morais. Segundo fiscais e um representante do condomínio, cerca de 60 pessoas estavam no local. 

Nat e Henri
Festa aconteceu no último sábado (24). Crédito: TV Anhanguera/Reprodução

Em um vídeo enviado à Quem, a modelo e ex-participante do reality explica sua versão sobre o ocorrido. 

"Quero agradecer a oportunidade de dar a minha versão... as pessoas me julgaram muito porque fui encontrar um amigo que não via há cinco anos e elas não estão visitando nem a família. Mas, tanto eu, quanto o Rafa, o meu marido que trabalha em uma multinacional, que faz semanalmente teste de Covid-19, sabíamos que não estávamos correndo risco algum. Se eu não fosse encontrar ele na chácara dele, iria em Goiânia, porque estava morrendo de saudade. E lógico, estava convicta de que nós três estávamos com os testes em dia. As pessoas deveriam se informar melhor, para evitar tanta acusação. Não somos idiotas de colocar nossas vidas em risco", comentado. 

Procurado pelo veículo, o ator disse que a versão dos fatos já foi enviada pelo dono da casa e que ele estava ocupado trabalhando no interior de São Paulo. "É a única versão que tem". Em um comunicado oficial, o representante de Raphael Eduardo de Morais negou a aglomeração e garantiu que todas pessoas presentes fizeram teste de Covid-19 e afeririam a temperatura.

Após as denúncias de moradores, a fiscalização foi até a residência, mas os participantes sem máscaras não foram multados pois, num primeiro momento, é feito um trabalho de orientação verbal. Os valores das multas são determinados pela Justiça em situações de autuação. Segundo os representantes do local, o dono comprou a casa há 30 dias e essa foi a segunda festa dada por ele. 

Leia também