'Agente Oculto': o filme mais caro da Netflix, estrelado por Wagner Moura e Chris Evans

O longa teve um custo de US$ 200 milhões e ainda conta com Ryan Gosling no elenco principal

Com estreia marcada para o dia 22 de julho, a trama será um thriller de espionagem baseado no livro "The Gray Man"
Com estreia marcada para o dia 22 de julho, a trama será um thriller de espionagem baseado no livro "The Gray Man" - Divulgação/Netflix

por Maria Luiza Pimentel
Publicado em 30/04/2022 às 16:00
Atualizado às 16:00

Facebook Famosos e CelebridadesPinterest Famosos e Celebridades

Na última terça-feira (26), a Netflix divulgou as primeiras imagens do filme "Agente Oculto", o novo thriller de espionagem produzido pelo streaming. O elenco principal é formado por Ryan Gosling, Chris Evans e Ana de Armas. Além disso, o brasileiro Wagner Moura também estrela a trama, que bateu o recorde como a produção mais cara já feita pela Netflix.

O longa teve um orçamento de US$ 200 milhões. Antes, o marco era do filme "Alerta Vermelho", lançado no ano passado, estrelado por Dwayne Johnson, Gal Gadot e Ryan Reynolds. O novo thriller ainda conta com Regé-Jean Page, Billy Bob Thornton, Jessica Henwick, Dhanush e Alfred Woodard.

A história é baseada no livro "The Gray Man", escrito por Mark Greaney, e acompanha a perseguição entre um agente da CIA e um psicopata em fuga. Confira a sinopse oficial:

Arrancado de uma penitenciária federal e recrutado por Donald Fitzroy (Billy Bob Thornton), Gentry já foi um mercenário altamente qualificado e sancionado pela Agência. Agora a situação virou e ele é o alvo, caçado em todo o mundo por Hansen (Chris Evans), seu adversário psicopata e ex-membro da CIA que não vai parar por nada até derrubá-lo. A seu favor, Gentry conta com a ajuda da agente Dani Miranda (Ana de Armas).

Para completar, a direção do longa está nas mãos de Anthony e Joe Russo, famosos por comandar os filmes dos "Vingadores", "Cherry" e "Capitão América: Guerra Civil".

"Agente Oculto" chega na Netflix em 22 de julho.