Deolane diz que só conhece 4 dos 11 banheiros de sua mansão

O imóvel fica em Alphaville, São Paulo, e foi comprado no final do ano passado

Nas redes sociais, Deolane compartilha detalhes do imóvel luxuoso.
Nas redes sociais, Deolane compartilha detalhes do imóvel luxuoso. - Crédito: Instagram/@deolaneb_

por Caroline Ferreira
Publicado em 25/03/2022 às 16:00
Atualizado às 16:00

Facebook Famosos e CelebridadesPinterest Famosos e Celebridades

Em participação ao "The Noite", comandado por Danilo Gentili, Deolane Bezerra comentou sobre a luxuosa mansão que comprou no final de 2021, em Alphaville, São Paulo. 

Só para se ter ideia, o imóvel é tão grande que a advogada e funkeira, viúva de MC Kevin, disse que ainda não conhece a casa toda. "Só conheço uns quatro, os outro nunca fui na vida", contou sobre os 11 banheiros que a residência possui. 

Vale dizer que recentemente a loira afirmou ter sido alvo de discriminação no condomínio. Nos Stories, Deolane disse que ela e os familiares são chamados de gentelha pelos vizinhos.

"É muito triste ver sua mãe chorando por conta de discriminação. Tem um grupo aqui do condomínio onde estou morando e vou morar durante muitos anos, e inclusive vou começar uma mega construção, onde estão nos chamando de gentalha, de pobres, de 'que nojo'", começou.

"O terror de vocês será eu. Até onde eu puder lutar pelos meus direitos e pela dignidade da minha família, eu vou lutar. Se eu vir minha mãe derramando mais uma lágrima, eu vou bater aí na porta e vocês que vão chorar. Ricos que odeiam ver os próximos bem, vão reclamar com Deus. Os incomodados que se mudem. 'Ah, estou antes dela'. Problema de vocês. Aqui, eu comecei agora, ainda tem minha construção... favela venceu! Sou rica!", concluiu.

Carreira artística

Ainda na conversa com Danilo, Deolane contou que resolveu entrar na carreira artística por influência de Kevin, que morreu em maio de 2021, após cair do 5º andar de um prédio no Rio de Janeiro.

"Ele me ensinou a fazer música antes de falecer. Ele falou: 'vida, difícil é a sua profissão. Escrever música você pega a primeira com a segunda'. Aí lembrei disso e escrevi", contou.

Leia também