Web critica 2ª liderança de Jade Picon: "prova igual"

Pela segunda semana consecutiva, Jade Picon se consagrou Líder do BBB22

Para o VIP, Jade Picon levou Bárbara, Laís, Pedro Scooby, Tiago Abravanel e Paulo André.
Para o VIP, Jade Picon levou Bárbara, Laís, Pedro Scooby, Tiago Abravanel e Paulo André. - Crédito: Instagram/@bbb

por Caroline Ferreira
Publicado em 11/02/2022 às 10:00
Atualizado às 10:00

Facebook Famosos e CelebridadesPinterest Famosos e Celebridades

Quando o assunto é sorte no BBB22, Jade Picon está com tudo. Na noite desta quinta-feira, 10, a sister se consagrou, pela segunda vez consecutiva, Líder da semana, após enfrentar a final contra Vinicus e Linn da Quebrada. 

Patrocinada pela Avon, a cada rodada, uma sequência com palavras relacionadas a um perfume da marca apareciam em um telão. A ideia era que os participantes respondessem corretamente qual palavra estava em determinada posição, usando cards disponíveis na cabine da dinâmica. 

O VIP da vez foi garantido para Tiago Abravanel, Pedro Scooby, Paulo André, Bárbara e Laís. Indicado ao Paredão pela sister na última semana, Arthur Aguiar resolveu não parabenizá-la. Vale dizer que a influenciadora digital chegou a cogitar se seria bom manter sua estratégia de voto, mesmo com o retorno do ator. Na web, os internautas zoaram mais uma liderança da influenciadora digital.

Confira outros destaques que movimentaram as redes sociais

Afrontando a produção 

Durante a madrugada, Bárbara acabou perdendo 150 estalecas como punição por desafiar a produção. Tudo começou quando a modelo estava muito próxima à porta da sala, enquanto o programa passava pr uma manuteção externa. 

Revoltada, a sister disse que era um absurdo e produção respondeu tirando mais "dinheiro" da jogadora. Não satisfeita, ela retrucou: "Tô nem aí, tira mais 50". E é óbvio que o Big Boss não ia deixar passar batido, fazendo-a perder mais 50. Por fim, Bárbara foi dormir chorando.

Negócios à parte 

Um dos assuntos mais comentados durante a festa "Mundo Fashion", foi o beijão protagonizado por Eli e Natália. O brother, no entanto, acabou se arrependendo do flerte uma vez que Nat era sua opção de voto. 

Na madrugada, enquanto conversava com Eslô, Maria e Bruna, o designer confessou que apesar do beijo, continuaria votando nela. "Já deixei muito claro para Natália que ela é minha opção. Acho que ninguém da casa deixou claro assim como deixei para ela. Mesmo depois de ontem", afirmou.

Homofobia 

Em outro momento, Vyni e Eli conversavam sobre violências sexuais, quando o estudante de direito confessou alguns momentos difíceis em sua vida.

"Você, Eliezer, não vai saber o que é ter medo de apanhar na rua. Por exemplo, atravessar a rua para ir comprar um pão. Vocênã sabe como é. Me bateram. Estou contando isso daqui, mas nem o povo lá de casa sabe. Estou falando em rede nacional", revelou. 

"Aconteceu comigo, mas aconteceu pior com muita gente. Muito pior. Imagina quem não tem uma família para acudir, ou quem é colocado para fora de casa. Isso só em relação à orientação. Imagine cor, classe econômica. Quantos amigos seus, por exemplo, já tiveram que voltar para casa a pé porque quando chamavam um motorista de aplicativo, eles olhavam para você e passavam direto? Ou não poder entrar em uma loja porque você não faz o perfil? A gente, às vezes, esquece como é ser amado, ser gostado", desabafou.

Leia também