Atriz de "American Pie" revela abuso sexual aos 12 anos

Aos 42 anos, Mena Suvari fez o relato em um trecho do livro "The Great Peace: A Memoir"

Além dos abusos, Mena lidou com problemas familiares e o uso de drogas pesadas.
Além dos abusos, Mena lidou com problemas familiares e o uso de drogas pesadas. - Shutterstock

por Caroline Ferreira
Publicado em 21/07/2021 às 15:16
Atualizado às 15:16

COMPARTILHEFacebook Famosos e CelebridadesPinterest Famosos e Celebridades

Conhecida por integrar o elenco de American Beauty e American Pie, Mena Suvari relevou em um trecho do livro "The Great Peace: A Memoir", divulgado em entrevista à revista People, que foi vítima de abusos sexuais durante a adolescência. 

De acordo com a atriz, o crime iniciou no sexto ano escolar quando ela havia acabado de se mudar para Charleston, Carolina do Sul e foi estuprada por um amigo do irmão mais velho, a quem intitula como "KJ". 

Mena
Atriz ficou conhecida por estrelar em "American Pie". Shutterstock

Novata naquele ambiente, ela conta que estava tentando se encaixar quando KJ passou a persegui-la e a pressionou a fazer sexo. "Não, eu não fazer isso", recorda-se. No entanto, quando estava prestes a completar 13 anos, ele a levou para um quarto particular na casa de sua família e a estuprou. 

"Parte de mim, morreu naquele dia. Ele me usou, se divertiu comigo e depois se livrou de mim. Ele me chamou de puta. Nunca consegui ter uma expressão saudável de (sexo). Minha escolha foi perdida", afirmou. 

A atriz diz ainda que durante muito tempo, se sentiu culpado por ter deixado que o abuso acontecesse. Era como um sentimento de vergonha que destruiu seu senso de auto-estima.

Suvari também lidou com problemas familiares e passou a usar drogas para amenizar a dor. "Procurei qualquer forma de automedicação que encontrei, apenas para sobreviver", frisou. 

Pouco antes de completar 17 anos, a artista conheceu "Tyler" de quem sofreu novos abusos sexuais e emocionais, em um relacionamento de três anos. Ele a pressionou a participar de sexo a três e levar mulher para casa dele. "Lembro-me de pensar que talvez seja assim que os relacionamentos são: os gritos, os xingamentos, os abusos", encerrou. 

O consolo veio da atuação. Após American Pie, em 1999, ela conseguiu atuar em American Beauty, que lhe rendeu uma indicação ao BAFTA de Melhor Atriz Coadjuvante. "Foi uma experiência linda, tendo a oportunidade de trabalhar e me expressar bem quando precisei para me salvar". 

Em 2016 passou a se envolver com Mike Hope e em agosto de 2018 se casaram. "Foi a primeira vez que senti que queria ter uma família com alguém". 

Leia também