Fátima Bernardes faz apelo por vacina e diz que é possível recuperar a liberdade

Durante o "Encontro", a apresentadora falou da importância da imunização completa

Fátima tomou a primeira dose da vacina recentemente.
Fátima tomou a primeira dose da vacina recentemente. - TV Globo/Reprodução

por Caroline Ferreira
Publicado em 09/06/2021 às 12:20
Atualizado às 12:20

COMPARTILHEFacebook Famosos e CelebridadesPinterest Famosos e Celebridades

Dias após tomar a primeira dose da vacina contra a Covid-19, Fátima Bernardes fez um apelo pela vacinação na manhã desta quarta-feira (9). Durante o "Encontro", a apresentadora incentivou os brasileiros compareçam aos postos de saúde e completem a imunização.

Fátima
A apresentadora falou da importância da imunização completa. Crédito: TV Globo/Reprodução

"As vacinas existem, é possível a gente recuperar a liberdade e a capacidade de convivência, mas a gente precisa estar vacinado. Volto aqui a fazer sempre um alerta: não deixe de tomar a segunda dose, por favor", pediu. "Está assustador o número de pessoas que não voltam para receber a segunda dose. Se você já teve a chance, a felicidade de receber a primeira dose, não deixe de procurar, mesmo que já tenha passado o prazo. Vá até o posto mais próximo da sua casa, apresente o papel ou não apresente, diga que está na hora da sua segunda dose, que pela sua idade eles vão poder checar. Não deixe de fazer sua segunda dose, por favor", complementou. 

A apresentadora também se emocionou ao ouvir o relato de Bárbara, uma internauta que participava da plateia ao vivo, que falou sobre o incentivo que deu a própria avó a tomar a segunda dose usando o exemplo de Fátima que também recebeu o imunizante da AstraZeneca. 

Fátima
Apresentadora se emocionou com o relato da jovem. Crédito: TV Globo/Reprodução

"Muito emocionada, você pode ter certeza disso. Tomara que outras pessoas ouçam isso, a vacina boa é a que a gente tem. Se você está na dúvida, eu tomei a vacina e não tive nada que me impedisse de trabalhar e de continuar fazendo todas as coisas que eu queria. Ela é segura, qualquer vacina que a gente está colocando no nosso braço para combater o coronavírus é segura, acredite nisso. Não deixe de se vacinar. É muito triste a gente ter lutado tanto para que as vacinas começassem a chegar, porque nem chegar todas, e aí agora sobrar doses em determinados postos porque as pessoas não estão aparecendo para a segunda dose. Não vamos fazer isso, a gente quer de volta a nossa vida, vamos nos vacinar", finalizou.

Leia também