Connect with us

O que você está procurando?

Casas dos Famosos

Galvão Bueno terá mansão leiloada para quitar dívidas; entenda a situação

Avaliado em R$ 22 milhões, imóvel pode ser arrematado pela metade do valor

Galvão Bueno terá mansão leiloada para quitar dívidas; entenda a situação
Galvão Bueno terá mansão leiloada para quitar dívidas; entenda a situação - Foto: Divulgação/Globo/João Cotta

A mansão do locutor esportivo Galvão Bueno será leiloada para quitar uma dívida com um fundo de investimentos do Banco do Brasil. Localizado em Londrina, no Paraná, o imóvel ocupa três lotes do Condomínio Royal Gold Residence e será leiloado pela 6ª Vara Cível da cidade, no dia 28 de setembro, através do site JE Leilões.

De acordo com o especialista em leilão de imóveis Renan Lopes, o caso do radialista é mais comum do que se imagina. “Toda vez que há cobrança de um credor para um devedor na justiça, o caso pode acarretar um leilão, desde que o credor tenha bens que possam ser oferecidos à penhora”, explica. 

Galvão Bueno anunciou estar surpreso com o anúncio do leilão, já que o processo estava em tratativas de acordo avançadas. O investidor imobiliário Pedro Gomide explica que, além de pedir a suspensão do leilão — o que depende de decisão do juiz —, o narrador ainda pode quitar a dívida até o momento da assinatura do auto de arrematação para manter a propriedade do imóvel.  

Galvão Bueno não é o primeiro a se ver nessa situação

O ex-jogador Cafu também terá imóvel ofertado em leilão no mês de setembro para cumprimento de dívidas. “No caso do Galvão, a casa foi dada como garantia hipotecária de um empréstimo feito por sua empresa. Dessa forma, não há como alegar ser um bem de família (fato que tornaria o bem impenhorável)”, explica Gomide.  

Ainda de acordo com Renan Lopes, essa seria uma ótima oportunidade para investidores deste mercado. “A mansão, que está avaliada em R$ 22 milhões, pode ser arrematada por R$11 milhões. Ou seja, pela metade do seu valor de mercado. É um imóvel sem qualquer tipo de desgaste ou fissura. Para os investidores, é uma ótima oportunidade”, comenta ele que também é um dos sócios e educadores da Smart Leilões.  

Diferente dos leilões de automóveis, quando o produto é desvalorizado após o arremate, no mercado de imóveis isso não acontece. “O bem não tem nenhum ‘vício’. A partir do momento em que você registra sua propriedade não há nenhuma restrição. Por isso os leilões de imóveis se mostram tão atrativos. É uma oportunidade de arrematar um bem pela metade do valor, dependendo do caso, e revender por um preço competitivo no mercado, tendo um ótimo lucro”, finaliza o especialista.

Advertisement

Você também vai gostar

Famosos de A a Z

Dupla de ex-fazendeiras ficaram conhecidas por suas constantes e polêmicas brigas durante o reality

Famosos de A a Z

Palácio de Buckingham teria feito pedido após matérias sobre Rose Hanbury virem à tona

Música

Dono de hits como Demorô", "Química" e "Melhor Assim" voltou com novidades para o mês de julho

Cinema

Atriz faleceu nesta quinta-feira (11), após complicações vindas da diabetes