Connect with us

O que você está procurando?

Música

Adeus a Gal Costa: relembre momentos marcantes da carreira da cantora

Cantora brasileira faleceu nesta quarta-feira, 9, aos 77 anos, e deixa um legado inegável

Gal Costa
Morre Gal Costa aos 77 anos - Foto: Divulgação/Globo

Nesta quarta-feira, 9, o Brasil perdeu uma de suas maiores estrelas da música popular, Gal Costa, aos 77 anos. A cantora seria headliner do festival Primavera Sound, no último final de semana, mas teve sua participação cancelada por conta de sua recuperação de uma cirurgia.

Em homenagem à sua carreira, separamos momentos marcantes de Gal Costa:

Primeiro disco solo

Em 1969, Gal lançou seu primeiro disco solo, intitulado “Gal Costa”. Antes desse lançamento, a cantora estava participando de projetos coletivos, como Domingo, com Caetano Veloso, e Tropicalia ou Panis et Circencis, que marcou o movimento da Tropicália.

Gal se une a outros nomes

Seis anos depois de seu primeiro álbum solo, Gal Costa se junta com Gilberto Gil, Caetano e Bethânia para o show da banda hippie “Doces Bárbaros” — nome que também batizou as apresentações.

Aliás, o grupo, além de ganhar produções audiovisuais sobre sua história, também foi enredo de escola de samba.

Lançamento e sucesso de “Água Viva”

Três anos depois, em 1978, Gal lança mais um disco solo, que então seria seu primeiro disco de ouro, “Água Viva”. Esse lançamento marcaria uma nova era na carreira da cantora, que agora assumia uma personalidade mais madura e menos hippie.

Hall da fama

Enfim, no início dos anos 2000, Gal Costa entrou para o Hall da Fama do Carnegie Hall, em Nova York. O reconhecimento veio depois do show “40 Anos de Bossa Nova”, que fez em homenagem a Tom Jobim.

Advertisement

Você também vai gostar

Famosos de A a Z

Descubra famosos que são brasileiros ou possuem raízes do Brasil que fazem sucesso pelo mundo

Famosos de A a Z

Giovanna Lancellotti é amiga de Bruna Marquezine e João Guilherme e opinou sobre o romance

BBB

A ex-BBB surpreendeu ao comentar sobre suas amizades com o fim do reality

TV

Adriana Esteves interpretou Mariana na primeira versão de 'Renascer' em 1993 e recebeu algumas críticas